Somos as Irmãs Operárias da Santa Casa de Nazaré, fundada em 1900 pelo Padre Arcângelo Tadini e algumas jovens que se consagraram a Deus. A Congregação surgiu no auge da revolução industrial e logo após o 1º documento oficial da Igreja de cunho social a Rerum Novarum da Papa Leão XIII, nasceu na pequena cidade de Botticino Sera – Bréscia no norte da Itália EM 1900.

Um pouco de história: A I revolução industrial provocou mudanças significativas no modo de viver da sociedade daquela época e Padre Tadini, homem do seu tempo percebeu que muitas das moças da sua Paróquia, iam para este mundo industrial, marcado pela exploração, ganância, e degradação moral correndo o risco de perderem os valores Cristãos.

Padre Tadini como Pároco, pastor das ovelhas do Reino, sentiu a necessidade de uma intervenção direta da igreja no mundo industrial.

Sonhou uma Congregação de religiosas, mulheres consagradas, que junto com as operárias, trabalhando, vivendo.

“Entrar na fábricas e nos estabelecimentos industriais, principalmente para trabalhar como operárias, tornando-se operárias”

“Assim, fazendo-se elas mesmas operárias, mas preparadas pela profissão religiosa e pela instrução técnica, entrarão nas massas operárias ocupadas pela industria e serão nelas o bom fermento.”